top of page
logoPPVBprpetohor.png

Saiba usar a cromoterapia e conheça 8 cores essenciais para viver melhor no seu dia-a-dia

Você já percebeu a infinitude de cores e tons que existem ao seu redor? Muito usada durante meditações mindfulness e em vivências como o Banho de Floresta, o uso de cores, tem representações e têm impacto na maneira que nos relacionamos com o nosso físico, energético e o nosso ambiente. Marcas como a Herman Miller, que desenvolveu uma nova coleção de móveis pensando justamente nessa tendências dos próximos anos, a HAY Collection, e a Tanara Gois, especialista em cores e neuroarquitetura acreditam nas influências das cores no nosso dia a dia.


Em sua trajetória, a Designer de Interiores conta que já se deparou com vários profissionais e um mercado cheio de dúvidas e preconceitos em relação à utilização de cor nos ambientes. Já a Herman Miller acompanha as referências sociais, eventos influentes no ramo do design e a criação de novas marcas, como a Pantone, a WGSN e Coloro, por isso aposta em um compilado de cores que merecem destaques em projetos, como o Viva Magenta, o Digital Lavender, o Verdigris, o Luscious Red e o Sundial.


A terapeuta integrativa Helen Pomposelli acredita na cromoterapia como o uso do espectro visível, ou luz colorida, para curar o desequilíbrio energético físico, mental e espiritual que tende a levar à doença. "É um dos métodos mais holísticos e simples para curar doenças. Esta modalidade de cura não exige que você consuma nada, nem requer colocar nada em seu corpo como uma pomada. Você simplesmente deita ou senta sob a cor desejada", explica Helen que tem em seu consultório o famoso Banho de Cristal, onde 7 cristais Voghel com luzes coloridas ( cromoterapia ) passando por eles suspensas sobre seu corpo e que estarão apontados para seus centros energéticos, ou seja, em cada chakra.



Para quem não sabe, a cromoterapia teve sua origem na China, Grécia, Egito e Índia. Esses países usavam cores como remédios. Desde 2000 aC, o uso da luz e do calor eram ferramentas que os indígenas usavam intuitivamente para curar dores crônicas e lesões, bem como doenças como gripe ou pneumonia. O corpo é composto por todas as cores do espectro visível, portanto, o corpo precisa ser exposto às cores de forma consciente para se manter equilibrado e saudável.



As cores são todas vibratórias. Cada um dos fótons coloridos tem seu próprio comprimento de onda e frequência. O corpo reconhece essas formas de onda e responde a elas. A maneira como percebemos a cor é por causa da vibração que ela contém. Como resultado, cada cor carrega nossas células de uma certa maneira. " É importante reconhecer que cada cor nos dá uma certa quantidade de energia que se manifesta como criatividade, motivação, felicidade ou energia que relaxa nossos corpos, limpa a mente da ansiedade e do estresse e nos dá um boa noite de descanso".


O corpo humano é composto por todas as cores do espectro de luz visível. Cada cor do espectro tem um efeito diferente na mente, no corpo e nas emoções. Um ensinamento antigo que se originou na Índia entre 1500 e 500 aC discute o sistema de Chakra. De acordo com Klotsche, "os chakras são áreas de energia altamente concentrada que estão conectadas a vários locais principalmente ao longo da medula espinhal. Esses campos de energia estão relacionados aos principais órgãos do corpo" (1 ) . Conceito indiano, que Ghadiali apresentou como fonte de energias.”


O sistema Chakra consiste em sete centros de energia dentro do corpo humano. Cada um dos sete pontos centrais contém energia que regula as funções do corpo, desde órgãos, cérebro, pulmões, estômago e assim por diante, até o sistema imunológico, metabolismo e emoções. A cromoterapia e os chakras andam de mãos dadas porque cada chakra rege uma determinada cor. Por exemplo, o chakra do coração é governado pelo verde. Está comprovado que a vibração do verde traz harmonia e equilíbrio de volta ao corpo, ao mesmo tempo em que alivia dores musculares. O verde é conhecido por ser universalmente curador, lembrando-nos da relação cósmica que compartilhamos com o universo.


“A luz é responsável por ligar o cérebro e o corpo. A luz entra no corpo através dos olhos e da pele. Quando um único fóton de luz entra no olho, ele ilumina todo o cérebro. Essa luz aciona o hipotálamo, que regula todas as funções corporais que sustentam a vida, o sistema nervoso autônomo, o sistema endócrino e a hipófise (a glândula mestra do corpo). O hipotálamo também é responsável pelo relógio biológico do nosso corpo. Também envia uma mensagem, por meio da luz, ao órgão pineal, responsável pela liberação de um dos nossos hormônios mais importantes, a melatonina. A liberação de melatonina está diretamente relacionada à luz, escuridão, cores e ao campo eletromagnético da Terra. Esse hormônio necessário afeta todas as células do corpo. Ativa as atividades internas de cada célula, permitindo-lhes harmonizar-se entre si e com a natureza.


Acredita-se que a glândula pineal seja responsável por nosso sentimento de unidade com o universo e prepara o terreno para o relacionamento entre nosso ser interior e o meio ambiente. Se esse relacionamento for harmonioso, somos saudáveis, felizes e sentimos uma sensação de bem-estar. Um desequilíbrio nesse relacionamento se manifesta na forma de distúrbios ou doenças em nossos estados físicos, mentais ou emocionais. A pineal é o nosso “medidor de luz” e recebe informações dos céus acima, para nos dar aquela sensação de unidade com o universo, e do campo eletromagnético da Terra abaixo para nos manter ancorados. Um equilíbrio perfeito é necessário para manter nossa saúde e nos manter em harmonia com o meio ambiente.


"Todos os órgãos vitais têm ligação direta com a pele por meio de artérias, vasos sanguíneos e capilares, e os raios coloridos podem afetar toda a corrente sanguínea por meio da circulação e eliminação de toxinas." ( Avicena )


“A cor vermelha funciona como estimulante, principalmente do sangue e, em menor grau, dos nervos; amarelo e laranja como estimulantes nervosos; azul e violeta como calmantes para todos os sistemas e com propriedades anti-inflamatórias. Conseqüentemente, Babbitt prescreveu vermelho para paralisia, exaustão física e reumatismo crônico; amarelo como laxante, emético e purgativo e para problemas brônquicos; azul para condições inflamatórias, ciática, meningite, instabilidade nervosa, dor de cabeça, irritabilidade e insolação.”



LUZ VERMELHA


O vermelho alivia a dor muscular, reduz a rigidez muscular, aumenta a libido, aumenta a circulação sanguínea, ativa o metabolismo, alivia a dor da artrite, combate doenças como resfriado, gripe e pneumonia e constrói colágeno. O colágeno é a proteína mais abundante em seu corpo. É o principal componente dos tecidos conjuntivos que compõem várias partes do corpo, incluindo tendões, ligamentos, pele e músculos. O colágeno tem muitas funções importantes, incluindo fornecer estrutura à pele e fortalecer os ossos.


A luz vermelha é uma cor poderosa, simbólica do chacra raiz localizado na base da coluna. O chakra da raiz é o centro de energia mais primordial do corpo. Governa nossos instintos, como sobrevivemos neste mundo e como nos mantemos vivos — nossas características animais. O vermelho ativa seus sentidos físicos, paladar, olfato, audição, tato e visão. A luz vermelha tem a menor energia, frequência, vibração e o maior comprimento de onda de toda a luz visível. É conhecido como o “Grande Energizador”. É uma cor que auxilia na fisicalidade das coisas.


Também é conhecido como “aliviador de dor”. Foi comprovado que o vermelho penetra nos músculos do corpo, liberando rigidez, dor e tensão. O vermelho também ajuda com lesões como músculos distendidos, entorses, fraturas e ossos quebrados. Por exemplo, atletas ou pessoas que fazem muita resistência física podem acabar sentindo dores no corpo. O vermelho vai além da superfície da pele e chega ao centro de onde vem a dor. O vermelho ativa mais fluxo sanguíneo para bombear por todo o corpo, produzindo mais nutrientes, como oxigênio. Mais fluxo sanguíneo e mais oxigênio permitem que seu corpo comece a se curar.




LUZ LARANJA


A luz laranja trata a asma, trata a epilepsia, interrompe a constipação, cura fraturas ósseas, cura ligamentos doloridos, trata todas as condições de sinusite, estimula o sistema imunológico, elimina cistos, repara a inflamação dos rins, alivia a dor das cólicas menstruais e alivia a dor dos cálculos biliares e pedras nos rins.


Laranja é uma cor quente e é extremamente calmante para os sentidos. É simbólico para o chakra Sacral localizado entre os quadris. Governa nossa energia criativa, energia sensual e energia emocional. É o centro da nossa pélvis e está ligado aos nossos órgãos reprodutivos. Este chakra rege seus prazeres - o que você gosta e o que não gosta. Laranja é uma mistura de vermelho e amarelo. Tem propriedades extremamente aterradoras do vermelho. É por isso que é tão benéfico para o corpo físico, ao contrário do índigo, que é mais benéfico para a saúde mental.


A laranja ajuda o corpo a se curar da indigestão, como constipação, inchaço, cólicas e desintoxicação. Também combina com a vibração dos rins, intestino grosso e delgado do seu corpo, parte inferior da coluna (costas) e articulações sacroilíacas.


A vibração do laranja é curativa e traz uma sensação de calor e satisfação à mente e ao corpo. A laranja é ótima para perder peso porque ativa e elimina a gordura localizada. É um grande auxiliar para quem sofre de dores abdominais crônicas, sejam cólicas, problemas de indigestão, câncer de estômago ou qualquer outra coisa. É uma cor que visa especificamente a dor nesta área. Se a laranja for usada na vida de alguém em uma idade jovem, isso pode ajudar a impedir que o corpo ative as células cancerígenas.




LUZ AMARELA


A luz amarela é um purificador natural da pele, fortalece o sistema imunológico, alivia a indigestão, reduz o tecido cicatricial, aumenta a curiosidade, a consciência e a capacidade de absorver informações. É usado para tratar asma, bronquite, epilepsia, distúrbios mentais e musculares, cãibras, reumatismo, lágrimas, ligamentos doloridos, fraturas ósseas, cálculos renais, espasmos intestinais, hipotireoidismo, constipação e dificuldades menstruais. Também pode prevenir a formação de tumores malignos.


O amarelo também ajuda a despertar a inspiração mental. Ótimo para condições nervosas ou relacionadas aos nervos, além de alimentar o plexo solar que mantém nossa força de vontade e força. Amarelo ajuda nas condições do estômago, fígado e intestinos. Pode ajudar os poros da pele reparando o tecido cicatricial. Os raios amarelos têm um efeito alcalinizante que fortalece os nervos. Doenças típicas tratadas pelo amarelo são constipação, gases, problemas hepáticos, diabetes, eczema e exaustão nervosa. Amarelo aumenta a curiosidade, compreensão, clareza e consciência.




LUZ ÍNDIGO


O índigo ajuda a psoríase, dores de cabeça tensionais, enxaquecas, defeitos visuais, miopia, miopia, glaucoma, catarata, catarro, problemas de sinusite e alguns problemas de ouvido. A psoríase é uma doença comum da pele que causa manchas elevadas, avermelhadas e muitas vezes escamosas.


O índigo é uma das cores estimulantes mentais mais poderosas do espectro de luz visível. Cria maior atividade onírica e aumenta a imaginação. Portanto, se você medita e usa a visualização como uma ferramenta, ou se deseja explorar sua fonte de criatividade para o trabalho ou para qualquer projeto de vida, o índigo alinha sua mente e corpo para explorar sua parte criativa.


Não apenas ativa certas partes do cérebro, mas o índigo aumenta a produção de glóbulos brancos. Os glóbulos brancos são vitais para combater infecções, atacando bactérias, vírus e germes que invadem o corpo. Os glóbulos brancos se originam na medula óssea, mas circulam por toda a corrente sanguínea. O índigo também alivia a dor no couro cabeludo, como a psoríase no couro cabeludo.



LUZ ROSA


Minutos depois de se sentar com a luz rosa, os pensamentos negativos e a agressão diminuem rapidamente em seu ser. Rosa limpa naturalmente o sangue do corpo e limpa a mente de pensamentos impuros. Fortalece veias e artérias enquanto ativa e elimina impurezas na corrente sanguínea. Rosa ajuda com qualquer doença gengival, bem como dores de dente. O rosa solta o corpo e diminui, senão elimina o estresse. O comportamento violento diminuirá com a exposição à luz rosa. Como bebês, começamos no ventre de nossa mãe. Dentro do corpo humano, tudo é rosa. Estamos cercados de rosa durante esses primeiros 9 meses de nossas vidas. É por isso que o rosa simboliza nossa criança interior – a inocência pura que temos dentro de nós.


É uma cor perfeita para trabalhar se você tiver TEPT ou qualquer trauma emocional que resida em seu corpo. Na verdade, o trauma é armazenado na memória de nossas células. O que o rosa faz é carregar nossas células com a vibração que permite que nosso corpo comece a liberar traumas. É um purificador. De acordo com uma análise crítica da Cromoterapia escrita por Samina T. Yousuf Azeemi e S. Mohsin Raza, "Algumas fontes relataram uma redução da força muscular em presidiários em 2,7 segundos. Parece que quando em ambientes rosa, as pessoas nunca podem se tornar agressivas, apesar seu desejo porque a cor suga sua energia."




LUZ TEAL


Teal é uma mistura de verde e azul. Teal é uma cor de limpeza. Teal aumenta a clareza, aumenta a imunidade, reconstrói as células, alivia infecções, reduz a dor e a febre, traz relaxamento mental e acelera a cicatrização de queimaduras. É um anti-séptico natural. É ótimo para limpar a mente de pensamentos estagnados redundantes, elevando sua vibração e abrindo você para se sentir leve. Essa cor pode ajudar a liberar o acúmulo emocional.



LUZ VERDE


Verde é cura. O verde traz equilíbrio e harmonia à mente e ao corpo. É relaxante e renovador. O coração fica mais saudável quando exposto à luz verde. Como humanos, fazemos parte da natureza; a natureza está ao nosso redor. Plantas e árvores nos dão oxigênio para respirar e também aparecem como verdes no espectro visível. Portanto, a luz verde permite que nos sintamos conectados à terra.


Verde ajuda a relaxar os músculos, nervos e pensamentos. Alivia dores de cabeça e, em maior escala, alivia os sintomas do câncer. Dá à mente e ao corpo uma sensação de renovação, clareza e paz. O verde diminui e estabiliza a pressão sanguínea e ajuda nas úlceras. É uma cor incrível para trabalhar se você sofre de doença cardíaca.


Verde é conhecido por ser universalmente curativo. É simbólico para o chakra do coração porque a luz verde ajuda a abrir nosso coração. Seguem-se o perdão e a compreensão, ajudando-nos a alcançar um estado de neutralidade — ser capaz de sorrir quando a vida fica difícil e saber amar a si mesmo incondicionalmente. Verde está no meio do espectro de cores. Traz benefícios de cura física e espiritual. Verde pode ser usado para praticamente qualquer condição. Quer se trate de músculos doloridos, câncer ou cura de um coração partido, sua frequência é o que seu corpo precisa naquele momento.



LUZ AZUL


O azul é ansiolítico, ajuda na fala e na comunicação, traz relaxamento mental e confere sabedoria e clareza. A luz desfocada também ajuda com problemas de sono e é um anti-séptico natural - limpando o ar das bactérias. Também alivia sintomas de febre, bronquite, asma e câncer de pulmão.


Para aqueles que sofrem de dependência de drogas, a luz azul pode oferecer algum alívio. O azul ajuda a quebrar os desejos não saudáveis ​​e os maus hábitos. São os raios azuis que trazem paz à mente enquanto eliminam pensamentos preocupados e experiências de vida problemáticas. Para quem tem insônia, a luz azul é capaz de relaxar o corpo e colocar a mente para dormir.


Para finalizar, fica a reflexão: As cores geram impulsos elétricos e correntes magnéticas ou campos de energia que são os principais ativadores dos processos bioquímicos e hormonais do corpo humano, os estimulantes ou sedativos necessários para equilibrar todo o sistema e seus órgãos. Em um nível celular, uma vez que as cores penetram no corpo, ele detecta o que está faltando em seu corpo (energia, por exemplo) e visa alimentar seu corpo com energia e carregar suas células.



PER VIVERE BENE

コメント


Revista Per Vivere Bene

bottom of page