logoPPVBprpetohor.png

Conheça a terapia respiratória Rebirthing que pretende promover autoconhecimento




"Renascimento permite o processo de ressignificação nos mais diversos aspectos da vida, inclusive do instante em que viemos ao mundo".


O ato de respirar conscientemente traz o poder de novos significados da nossa história e, ao mesmo tempo, gera novos espaços para manifestarmos o ser espontâneo e criativo que nós somos. Assim pensa a técnica Rebirthing ou Renascimento, um método de respiração consciente que tem como objetivo promover um profundo autoconhecimento e desenvolvimento através de uma integração corporal, energética, emocional e mental do praticante que foi desenvolvida por Leonard Orr na década de 1970.

Essa prática, que conta com sessões de respirações conectadas ou circulares, baseia-se também em psicologia espiritual e purificação do pensamento e tem como fundamento que o ser humano esteja em evolução constante, onde algumas soluções de melhoria de vida podem exigir que se retorne ao principio da vida, mais especificamente no momento do nascimento.


A Mentora de alta performance e escritora, Marinélia Leal apresenta o Rebirthing como uma técnica que tem como principais fundamentos desenvolver a mentalidade e remover todos os bloqueios de crenças ou paradigmas que possam estar limitando o crescimento humano. “O propósito do Rebirthing é que as pessoas se libertem de suas memórias e traumas ligados ao nascimento, para que possamos ter uma vida totalmente nova tanto a nível pessoal como a nível profissional”, conta a gestora.



Para a especialista, problemas como baixa autoestima, tensão e dificuldade de realizar tarefas, majoritariamente, estão relacionados aos três pilares da vida: nascimento, conceção e gestação. “A autoestima é criada exatamente no momento da conceção, do mesmo jeito que os relacionamentos são criados no momento gestacional, enquanto sucesso e prosperidade são criados durante o nascimento. O Rebirthing visa mapear todos esses momentos, desde traumas até o nível de acolhimento que essa pessoa recebeu, criando assim uma nova e emponderada experiência de vida”, pontua.

Marinélia vai além, constatando que a técnica pode ser aplicada em qualquer programa de desenvolvimento pessoal, como traçar metas e objetivos de acordo com quem se quer ser: “Tudo o que traçamos para nós mesmos, está relacionado com aquilo que acreditamos que somos, e não com o que queremos ser. O Rebirthing trabalha para identificar o que está por trás daquilo que você acredita que é, o que está por trás daquilo que você acredita que merece, o que está por trás daquilo que você acredita que é possível alcançar”, ressalta a mentora.


A técnica funciona assim:


O respirador se deita e é colocado no ritmo respiratório conhecido como respiração circular.

Isso pode ocorrer através da boca ou do nariz, embora Leonard Orr, o fundador do rebirthing, tenha esclarecido que respirar pelo nariz durante uma sessão de rebirthing é muito superior em todos os níveis do que respirar pela boca.

A rebitação, consequentemente, orienta suavemente o padrão de respiração do respirador, prestando muita atenção a quaisquer desvios da respiração. O respirador respira dessa maneira por aproximadamente uma hora.

Este ritmo respiratório provoca um fluxo de energia por todo o corpo e esse fluxo lava qualquer tensão ou bloqueios no sistema. A forma sutil de energia vibracional permeia todas as células e elimina a carga negativa na memória celular do corpo – que tem em estoque toda experiência que uma pessoa já teve desde a concepção.

A escritora ainda conta que mulheres podem se aproveitar muito desse processo, aumentando significativamente o nível de autoestima e empoderamento. “Elas começam a perceber que repetem diversos padrões que vivenciaram no próprio nascimento. Perceber que a relação com os filhos muitas vezes é resultado do nosso próprio trauma de nascimento, do trauma de nascimento feminino. A partir disso, elas descobrem o poder que elas têm e o quanto elas são o centro de uma sociedade, o centro de uma Família”, enfatiza a auxiliar de desenvolvimento humano.

De forma direta, ela finaliza destacando o que essencialmente é o Rebirthing. “Quando falamos de Rebirthing, estamos falando da chance de nascer para começar tudo de novo, criando uma vida exatamente como eu gostaria. Tudo isso a partir de das mudanças que eu vou me propor a fazer comigo mesmo. Basicamente é uma forma da gente viver uma vida completamente nova”, finaliza a especialista., que tem um canal no youtube


SAIBA MAIS:


Banho de sais para equilibrar seu sono e a ansiedade


Revista Per Vivere Bene