top of page
logoPPVBprpetohor.png

Autoconhecimento e espiritualidade através da Filosofia dos Doze Passos

No dia 16 de agosto, a terapeuta Stella Rebecchi irá apresentar a Filosofia dos Doze Passos como forma terapêutica para o autoconhecimento e a espiritualidade no espaço Per Vivere Bene, situado no Jardim Botânico - Rio de Janeiro.


Para quem não sabe, o programa de Doze Passos (twelve-step program) é um programa criado nos Estados Unidos em 1935 por Bill W e Dr. Bob S , inicialmente para o tratamento do alcoolismo e mais tarde estendido para praticamente todos os tipos de dependência química e compulsões.


" A palestra, que será de forma gratuita mediante troca de alimentos não perecíveis para doação, é inspirada na filosofia dos 12 passos para ajudar também na busca do autoconhecimento e consequentemente, uma vida com mais serenidade e qualidade", explica Stella, que é autora da Cartilha Oxigênio Pleno e do livro Fundo do Céu.




Sobre Stella Rebecchi


Stella Maria nasceu na cidade de São Paulo em 1946 e mora no Rio de Janeiro desde 1975. É casada, teve três filhos, hoje tem um, e cinco netos.


Tem formação em Terapia Corporal Transomática pelo Instituto Brasileiro de Biossíntese, e em Aconselhamento em Dependência Química, inclusive tabaco. Tem formação prática em RIGOLOGIE® pela L’Ecole Internationale du Rire et du Bonheur – La Rigologie® au service du bonheur, Frontignan, França.


Recebeu certificado de Rigoloterapeuta® e representante desta escola aqui no Brasil. Técnicas Rigolôs® são usadas em seus trabalhos, cartilhas e palestras, chamando a atenção por serem lúdicos apesar de temas sérios de interesse coletivo.

É palestrante na área da saúde, principalmente sobre compulsões.

Stella é autora do livro de poesias Terra Roxa (Edições Trote/1985 – esgotado) e de Fundo do Céu – do fundo do poço à conquista da sobriedade (Editora Jaguatirica/2014), seu primeiro romance. Ambos são assinados com seu nome completo: Stella Maria Barros Rebecchi.

Objetivo maior na vida Stella já fez uso abusivo de álcool na década de 1970, período em que ficou com a saúde bastante fragilizada. Conseguiu parar de beber com o auxílio dos grupos dos Alcoólicos Anônimos (AA) e de seus ensinamentos, além de recorrer à psicoterapia, terapias alternativas e estudos espiritualistas. Esses acontecimentos a obrigaram a ter um objetivo maior do que beber e a estimularam a estudar.

Assista à entrevista de Stella para a série “Compulsão”, veiculada pelo GNT, em que ela conta sobre essa fase difícil e transformadora.


Inscrições : 21 99979 6777


APOIO: PER VIVERE BENE

Comentários


Revista Per Vivere Bene

bottom of page